Férias no Nordeste – Morro de São Paulo – Parte II – O que fazer

Em nosso último post, falamos sobre como chegar e onde ficar em Morro de São Paulo. Hoje, vamos falar sobre o que fazer quando vocês tiver lá. Claro, se você quiser, pode simplesmente fazer absolutamente nada. Só ficar com os pés na areia e bebendo uma cerveja ou uma caipirinha. Mas, se você cansar do nadismo, pode seguir algumas das nossas sugestões.

Praia da Gamboa

A Praia da Gamboa fica a cerca de 20 minutos a pé de Morro de São Paulo e, quando a maré esta baixa, você pode fazer o trajeto caminhando. A distância é de aproximadamente 1,7km. É muito importante cuidar a tábua de marés e ir somente quando a maré estiver baixa, já que quando a maré está alta, não há passagem até lá (somente se consegue ir de barco). Fale com o pessoal da pousada onde você estiver, e certamente eles saberão informar quando é o melhor momento para ir.

DSC00239
o caminho para a Praia da Gamboa

Normalmente, o melhor é ir a pé e voltar de barco (pois na hora de voltar, normalmente a maré já está alta). O barco custa R$ 2,00 por pessoa e deixa no “porto” de Morro de São Paulo. A vantagem de ir até a Gamboa a pé é que você verá a linda paisagem e, inclusive, a parede de argila, considerada parada obrigatória. Tanto turistas quanto moradores costumam espalhar a argila por todo o corpo, pois supostamente as propriedades naturais desta argila são ótimas para a pele.

DSC00247
a parede de argila… vai encarar???

Chegando lá, há alguns bares que alugam guarda-sóis e cadeiras (ou emprestam, caso você esteja consumindo algum item do bar) e você pode novamente praticar seu nadismo lá, apreciando a paisagem. :p

DSC00257
e a calmaria da Praia da Gamboa

 O Forte

O Forte de Morro de São Paulo, cujo nome original é Fortaleza de Tapirandú, começou a ser construído em 1630 para a defesa de invasões na Baía de Todos os Santos. Hoje em dia, ele está tombado pelo Patrimônio Histórico Nacional e está em ruínas. Mesmo com a estrutura abalada, ele continua sendo um lugar super interessante para visitar em Morro de São Paulo e tem uma vista maravilhosa. O pórtico de entrada é o mesmo por onde se passa quando se chega de catamarã à Morro de São Paulo.

DSC00202
o pórtico

Além de ser um passeio legal, é o local perfeito para curtir o pôr-do-sol.

DSC00192
o espetáculo do pôr-do-sol

Tirolesa

Se você gosta de adrenalina, bem próximo ao Farol de Morro de São Paulo há um mirante, que também é o local de onde se salta na maior tirolesa dentro d’água no Brasil, com 340m de comprimento, partindo de uma altura de 57m e caindo diretamente na Primeira Praia.

DSC00309

Mesmo para os que não curtem este tipo de emoção, vale a pena ir até o mirante para apreciar a vista. De lá, você conseguirá enxergar a Primeira, Segunda e Terceira praias, e também a Ilha da Saudade.

DSC00304
a vista de Morro de São Paulo

Piscinas Naturais

As piscinas naturais se formam quando a maré está baixa, pelos arredores dos arrecifes. Você pode se banhar nas piscinas e ver os peixes que ficam ali. Em alguns locais, há pessoas que alugam equipamentos para mergulho. Em Morro de São Paulo, estas piscinas se formam principalmente na Quarta Praia.

DSC00072
as piscinas naturais da Quarta praia
DSC07525
olha a quantidade de peixes!!

Deu mais vontade de ir?? Então continue nos visitando pois em breve falaremos sobre o que comer lá! Até mais! 🙂

Anúncios

2 comentários sobre “Férias no Nordeste – Morro de São Paulo – Parte II – O que fazer

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s